Queda de preços: Por que a cotação do petróleo cai?

O petróleo está passando atualmente, e faz vários meses, por uma forte tendência baixista, seja o Brent ou o WTI, registrando quedas recordes que não se viam há mais de 6 anos.Mas por que essa queda das cotações e quais são os mecanismos em causa? É o que propomos de analisar neste artigo através de algumas explicações sobre essa queda, mas também nossas previsões e algumas recomendações para tirar proveito dessa situação.

 

As causas da quedados preços do petróleo:

Desde o mês de maio de 2014, as cotações do petróleo caíram em cerca de 60%, com uma aceleração desde o início do mês de dezembro de 2015, consequentemente à decisão da OPEP de não modificar sua produção apesar do excesso da oferta no plano mundial.

Esse aumento importante da oferta é principalmente devido a uma produção nova proveniente do Irã. Em consequência do acordo realizado entre Teerã e as grandes potências mundiais, as sanções ocidentais se extinguiram em julho de 2015, permitindo ao país produtor vender seu petróleo no mercado. Esse retorno chegou a seu apogeu nesse início de 2016.

Enquanto o excesso de produção acarreta, logicamente, uma queda de preços, a OPEP não optou por reduzir suas cotas de produção, nem mesmo considerar novo objetivo. Nota-se que a OPEP já ultrapassa as cotas fixadas anteriormente em 30 milhões de barris /dia com uma produção atual em torno de 32 milhões de barris. Alguns especialistas desse mercado acreditam que tal decisão da OPEP tem como objetivo de reduzir os preços para concorrer com o gás de xisto americano, bem com seu petróleo, pois se sabe que os poços dos Estados-Unidos somente são rentáveis a partir de certo preço do barril.

 

Como o preço do petróleo pode evoluir?

Como muitos investidores, você deve se perguntar se essa queda de preços vai perdurar em 2016. De acordo com os analistas, há fortes chances que o ouro negro passe abaixo da marca de U$ 35,00 com a pressão da OPEP. Portanto, é possível aproveitar essa queda anunciada para surfar nessa tendência tomando posição para a venda, seja por meio das opções binárias seja pelos CFD.

Mas a cotação do petróleo bruto não pode cair indefinidamente. É por esse motivo que alguns investidores aproveitam a situação atual para tomar posições de longo prazo com os preços baixos, aguardando a próxima retomada altista. Se você considerar essa estratégia, tenha cuidado de colocar suas ordens stop suficientemente baixas e cobrir suas posições com posições vendedoras em curto prazo.

Investir na queda do petróleo on-line:

Agora que você conhece os motivos da queda dos preços do petróleo, por que não aproveitar criando sua conta de trading junto a uma das melhores corretoras do mercado? Assim, você poderá angariar lucros rapidamente.