O petróleo bruto: Preço e cotação

Embora o petróleo faça parte do nosso quotidiano, poucas pessoas conhecem realmente sua origem e sua composição. Vamos tentar explicar aqui o que de fato é o petróleo bruto.

O termo “petróleo” significa, literalmente, “óleo de pedra”. Efetivamante, é uma rocha em estado líquido. Faz vários séculos que a exploração do petróleo não parou de crescer e o petróleo bruto é hoje uma das principais fontes de energia do planeta.

Para que lençóis de petróleo se formem, é preciso que o solo sofra três etapas importantes, a saber:

 

Acumulação de matérias orgânicas

Embora a maioria das matérias-orgânicas seja reciclada pela natureza, uma pequena parte permanece e se sedimenta.Então, ela é coberta pelos minerais que a rodeiam. Para que esse processo seja possível, a situação geográfica deve ser de um delta ou uma lagoa.

 

Processo de maturação das matérias orgânicas

Uma vez enfiadas no solo, as matérias-orgânicas são cobertas aos poucos com várias camadas de sedimentos. A camada de matérias-orgânicas é então chamada de “rocha fonte”. Sob o efeito da pressão exercida e da mudança de temperatura,ela se transforma em querogênio que vai, por sua vez, sofrer alterações (gêneses) progressivas. Esse querogênio é a matéria de base para a formação do petróleo.Em função da composição e das condições de soterramento das matérias orgânicas, esse processo pode também gerar gás natural. Após vários milhões de anos, os fluídos assim produzidos pelo querogênio se separam enquanto o querogênio permanece no mesmo lugar.

 

Acumulação dos hidrocarbonetos:

A maior parte dos hidrocarbonetos tende a migrar para a superfície devido a sua leveza. Aí, são oxidados ou se degradam naturalmente. Entretanto, uma pequena quantidade desses hidrocarbonetos permanece retida na rocha, em uma parte permeável do solo frequentemente composta de areia. Chama-se tal zona de “rocha reservatório”. Essa rocha, recoberta por uma camada impermeável, impede os hidrocarbonetos de subirem para a superfície.

Uma jazida de petróleo, portanto, é o resultado desse processo em três etapas. Porém, por causa da movimentação permanente das placas tectónicas, não é raro que o petróleo siga viagem por debaixo do solo e se encontre em níveis mais ou menos profundos podendo se tornar gás natural.

Mas todos os petróleos não são idênticos. É o que explica que hoje se diferenciem os petróleos em função de sua origem e sua composição, a saber, a densidade, a fluidez e a quantidade de enxofre que contêm.

Existem, portanto, centenas de tipos de petróleo brutodiferentes pelo mundo. Alguns servem de referência para determinar o preço do barril no mercado internacional. Dentre os mais utilizados, distingue-se o “Brent”, que é referência na Europa, o “West Texas Intermediate”, que é a referência americana, e o “Arabian Light” referência no Oriente Médio.

Como investir em petróleo bruto?

O petróleo bruto é um ativo da Bolsa de Valores sobre o qual é possível investir abrindo simplesmente uma conta de trading junto a uma corretora on-line. Em poucos minutos, após ter efetuado um primeiro depósito, você poderá simplesmente tomar posição na compra ou na venda sobre a cotação do petróleo bruto.